PRESUNÇÃO DE INOCÊNCIA E JUIZ NATURAL:um dia os textos vão revidar!

fevereiro 9, 2018 Cesar Luiz Pasold Informações 0 comentários

caricatura-lenio-luiz-streckPostado em 08 de fevereiro de 2018, às 8:00h,  o texto de autoria do Prof. Dr. Lenio Luiz STRECK , em sua coluna “Senso Incomum” do CONSULTOR JURÍDICO , teve como título : “Presunção de inocência e juiz natural: um dia os textos vão revidar!”. E  como subtítulo: “Em homenagem ao grande mestre Friedrich Müller!”

O artigo possui um “Prólogo”  , que assim inicia: “ No final do ano de 2001, o então advogado-geral da União, Gilmar Mendes, fez uma provocação interessante em um Congresso no Paraná. Contou que, em um debate em Coimbra em que participaram Canotilho, Lenio Streck e outros professores, o professor português disse que a Constituição Dirigente estava morta, ratificando o que já escrevera anos antes”.

Segue-se o relato do que o Prof. Dr. Lenio denomina “reminiscências”, após o que se encontram o “Ato 1” com duas cenas e o Ato 2 também com duas cenas.

No “Epílogo”, o Autor está “buscando socorro em Müller”.

Este Blog indica e recomenda a leitura atenta e integral , pelos méritos da forma e do conteúdo do texto estimulador de reflexões!

Acesso pelo link:

https://www.conjur.com.br/2018-fev-08/senso-incomum-presuncao-inocencia-juiz-natural-dia-textos-revidar

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Este Blog sucede ao www.advocaciapasold.com.br que foi visitado 109983.

Esta página já foi visitada 326858 vezes.

Site disponibilizado pela primeira vez em 18 de novembro de 2015.
Última atualização em 23 de Outubro de 2018.
Responsável Técnico: Leonardo Latrônico Prates
Responsável Geral: Prof. Dr. Cesar Luiz Pasold