MEMÓRIA – HOMENAGEM AO PROF. DR. HENRIQUE STODIECK

agosto 27, 2018 Cesar Luiz Pasold Informações 0 comentários

capa stodieckO Filósofo, Sociólogo , Jurista Prof. Dr. Henrique STODIECK foi Presidente do Instituto dos Advogados de Santa Catarina-IASC. É o Patrono da Cadeira n.01 da Academia Catarinense de Letras Jurídicas-ACALEJ, ocupada pelo titular deste Blog, o Prof. Dr. Cesar Luiz PASOLD.

 Henrique STODIECK nasceu em Florianópolis em 27  agosto de 1912 (há 106 anos) e faleceu em 28 de agosto de 1973 ( amanhã, há 45 anos).

O Prof. Dr. Pasold procurou resgatar a memória do Prof. Dr. STODIECK  organizando obra em sua homenagem :  PASOLD, Cesar Luiz (Organizador) .O Pensamento de Henrique Stodieck. Joaçaba: Ed. UNOESC, 2016.

Dela, extraímos trechos do Panegírico , intitulado  :”A SABEDORIA DE HENRIQUE STODIECK”. Ali Pasold enfatiza : 

“Henrique Stodieck foi um Sábio.

A sua percepção da vida humana nos seus mais diversos matizes (arte, ciência, psicologia, filosofia, sociologia, direito) sempre foi expressa em textos ou em discursos nos quais a objetividade e o espírito de síntese ressaltavam a sua inteligência privilegiada, a sua cultura em permanente processo de crescimento, a sua especial sensibilidade para a busca incessante da Verdade, que implica no Bem Comum, e a sua condição de Pensador além do seu tempo.”   ( destaque no original- p. 23).

E , mais adiante : “A sua proposta de conexão íntima entre ciência e cultura está assim expressa: ‘A própria ciência, assim como nós a conhecemos, é um fenômeno cultural greco-ocidental. Conhecimentos práticos e mesmo teóricos existiram em todos os tempos. A sua organização, no sentido tectônico, no entanto, é produção dos gregos, que nos a legaram. A capacidade para conhecimento, portanto, é inerente à humanidade; a organização, em forma que chamamos ciência, é expressão de uma cultura’.[1](p.24/25).

E , em outro  destaque :

“Quanto a concepção de justiça, sua dimensão e papel, consagra o Prof. Stodieck o seu posicionamento da seguinte forma:

‘A justiça, sob o aspecto formal, se alicerça na reciprocidade, na retribuição equivalente ao que se praticou ou cedeu. Este critério formal, porém, apresenta conteúdo material bem diverso. A variedade material pode ser esquematizada em alguns tipos de justiça, que, pela amplitude, são ainda muito abstratos. Perelman cita seis conceitos, “ os mais correntes” da justiça; 1º) a cada um a mesma coisa; 2º) ou segundo os seus méritos; 3º) ou ainda consoante as suas obras; 4º) mas também pode ser a cada um conforme suas necessidades; 5º) a cada um de acordo com a sua posição social e 6º) enfim, a cada um como expresso na lei. Vê-se que estes critérios ainda não são suficientemente concretos, para que nos possam orientar na escolha do conceito atual e ocidental de justiça.[2].’

E mais:

‘Parece não haver dúvida que os ideais jurídicos modernos que mais se destacam são os seguintes: 1º) igualdade perante a lei; 2º) valorização da personalidade humana; 3º) garantia da liberdade; 4º) apreciação do trabalho; e 5º) respeito às culturas peculiares dos diferentes grupos humanos.’ [3] ” (p. 28).

[1] STODIECK, Henrique. Bergson e outros temas.p. 72.

[2] STODIECK, Henrique. Bergson e outros temas. p. 73

[3] STODIECK, Henrique. Bergson e outros temas. p.51.

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Este Blog sucede ao www.advocaciapasold.com.br que foi visitado 109983.

Esta página já foi visitada 341104 vezes.

Site disponibilizado pela primeira vez em 18 de novembro de 2015.
Última atualização em 16 de Novembro de 2018.
Responsável Técnico: Leonardo Latrônico Prates
Responsável Geral: Prof. Dr. Cesar Luiz Pasold