109 ANOS DO NASCIMENTO DE NORBERTO BOBBIO

outubro 17, 2018 Cesar Luiz Pasold Informações 0 comentários

capa Livro CLP sobre BobbioO Titular deste BLOG, Prof. Dr. Cesar Luiz Pasold (Autor, entre outras obras de : PASOLD, Cesar Luiz. Ensaio sobre a Ética de Norberto Bobbio. Fpolis: Conceito Editorial, 2008) produziu o texto que segue, em homenagem à Norberto Bobbio, nesta data de seu 109º ano de seu nascimento.

 “Norberto BOBBIO  nasceu aos 18 de outubro de 1909,  em Turim,  um dia antes do falecimento de Cesare Lombroso “docente de Medicina Legal e de Higiene Pública na Universidade de Turim”, conforme esclarecia o próprio Bobbio quando se referia à sua data natalícia [1].

Definir Norberto Bobbio sempre foi tarefa complexa, na medida em que a sua sabedoria era múltipla,  sem prejuizo da imensa qualidade em todas as dimensões : Jurista, Filósofo, Notório conhecedor de Teoria Política, Cientista Político, Biógrafo, Historiador.

Em todas as áreas de sua atuação foi brilhante, com maior dedicação à Ciência- especialmente à Ciência Jurídica e à Ciência Política. Tornou-se zeloso Pesquisador e exímio relator dos resultados das Pesquisas que efetuou , seja nas Teses que produziu, seja nos Livros que escreveu.

A cada Obra publicada, maior era o reconhecimento que recebia da comunidade intelectual principalmente da Itália, da Europa e da América Latina. Uma de suas características mais fortes era visão multidisciplinar  em conexão com a prática da Humildade Científica.

Neste diapasão, lecionou, por exemplo: “… no universo do saber, há lugar para as mais diversas perspectivas, as quais, aliás, deveriam completar-se reciprocamente tendo em vista um conhecimento mais completo ou menos parcial do objeto.” [2].

Discreto quanto à sua vida pessoal, mas capaz de destacar publica e devidamente a Esposa e a Família, como fez em dois momentos importantes de sua vida.

Assim foi quando completou  80 anos, dizendo: “Agradeço a todos do fundo do coração. E gostaria que meus agradecimentos fossem, estes sim, distribuídos igualitariamente. Exceto a uma pessoa, a minha mulher, que é mais igual que os outros.”[3].

E, na festa dos 83 anos, declarou : ““ A todos os que me ajudaram a viver e a sobreviver, e que me acompanharam até aqui, a começar por minha mulher, meus filhos e agora meus netos, meu débito é inestimável, mesmo porque é tarde, e não me resta muito tempo para retribuir o que recebi.”[4] . Registre-se que Bobbio faleceu em 09 de janeiro de 2004, ano em que completaria 95 anos.

Norberto Bobbio dedicou-se a estudar e contribuir para a compreensão e a evolução de muitas categorias nodais às suas áreas temáticas de Pesquisa, e outras comuns à diversas áreas de conhecimento.

Destas todas, uma mereceu especial atenção dele: a Democracia.

Para encerrar este breve texto com o qual procuramos  reverenciar a sua Memória, destacamos duas formulações de sua autoria,  especialmente objetivas e  fortes epistemologicamente.

A primeira frase é : “Democracia:  …caracterizada por um conjunto de regras (primárias ou fundamentais) que estabelecem quem está autorizado a tomar as decisões coletivas e com quais procedimentos.” [5].

A segunda frase, contundente : “ A democracia é  idealmente o governo do poder visível , ou do governo cujos atos se desenvolvem em público, sob o controle da opinião pública”. [6].

Mantenhamos viva a memória de NORBERTO BOBBIO e de sua inestimável Obra!!!

Notas:

[1] Conforme BOBBIO, Norberto. Diário de um século: Autobiografia. Tradução de Daniela Beccaccia Versiani. Rio de Janeiro: Campus,1998. Título original: Autobiografia.p. 2.

[2]BOBBIO, Norberto; BOVERO, Michelangelo. Sociedade e Estado na filosofia política moderna. Tradução de Carlos Nelson Coutinho. 3 ed. São Paulo: Brasiliense, 1991.  Título original: Società e stato nella filosofia politica moderna. p. 9.

[3] BOBBIO, Norberto. O tempo da memória. De senectute e outros escritos autobiográficos. Tradução Daniela Versiani. Rio de Janeiro: Campus, 1997.Título original: De senectute. p. 121.

[4] BOBBIO, Norberto. O tempo da memória. De senectute e outros escritos autobiográficos. Tradução Daniela Versiani. Rio de Janeiro: Campus, 1997.Título original: De senectute. p. 141.

 [5] BOBBIO, Norberto. O Futuro da Democracia. Uma defesa das regras do jogo. Tradução de Marco Aurélio Nogueira. Rio de Janeiro: Paz e Terra,1986.Título original: Il futuro della democrazia. Uma difesa delle regole del gioco. p. 18. (Itálicos no original.)

[6] BOBBIO,Norberto. As Ideologias e o Poder em Crise. 4 ed. Tradução de João Ferreira. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 1995.Título original: Ideologie e il potere in crise. p. 208.”

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Este Blog sucede ao www.advocaciapasold.com.br que foi visitado 109983.

Esta página já foi visitada 341111 vezes.

Site disponibilizado pela primeira vez em 18 de novembro de 2015.
Última atualização em 16 de Novembro de 2018.
Responsável Técnico: Leonardo Latrônico Prates
Responsável Geral: Prof. Dr. Cesar Luiz Pasold