foto de Ana Luisa MagistradaA Magistrada Ana Luisa Schmidt RAMOS é a autora de uma obra relevante para a compreensão reflexiva e atualizada da dimensão possível, em tese e- principalmente- na realidade, da violência contra a Mulher.

O Livro é estruturado em nove momentos nucleares, antecedidos pela Introdução, e seguidos das Considerações Finais.  A exposição temática da Autora vai da “Psicologia com Direito: começando pelo amor e ódio” até, prestes a finalizar, à “Prática Sugerida”, com destaque para “O percurso dos feminismos até a noção de violência doméstica”, e a sua cirúrgica caracterização de ” O Dano Psíquico”.

O  Magistrado e Prof. Dr. Alexandre Moraes da ROSA , quase ao centro do Prefácio, pontua: “Em tempos de reivindicação de `vítima´, o livro situa o leitor nos impasses do amor, desde a imaginária completude (platônica) , destituída no real dos arranjos afetivos , pelos quais a violência pode ser constitutiva. Longe de buscar salvar a vítima, aposta em sua capacidade de autonomia, superando, por assim dizer, o discurso que a tutela, do lugar de objeto. Sustenta o lugar de sujeito da mulher, a partir da leitura fina dos movimentos feministas”.

E finaliza : o livro se arrisca contra a maré de ‘almas belas’ ( Hegel) . Dai sua importância.  O que o leitor irá sentir depende do lugar que ocupa e dos desencontros amorosos que cravam ranhuras em nossas vidas. Sempre.”

Portanto, pelos seus próprios e indiscutíveis méritos teóricos e práticos, esta obra de Ana Luisa Schmidt RAMOS, merece estar em nossa seção RECOMENDANDO PUBLICAÇÕES.

Veja lá!