Sandro Sell foto“Aqui preparando o novo semestre e uma única convicção: ou o Direito é crítico ou é cúmplice burocrático do autoritarismo reinante. Em outras palavras, do Direito se pode esperar algo mais nobre, ético e humanista do que propaga essa infeliz cultura de decoreba e cursinhos, que destaca os de melhor memória – e os mais submissos aos status quo – e incapacita os intelectuais jurídicos. Uma pena! Porque cada vez mais se precisa de gente para pensar um direito em crise e não para utilizar o direito posto como instrumento de opressão.”

[ SELL, Sandro. Facebook: https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=10155512520819291&id=688554290 – em 23/07/17] [Reprodução autorizada pelo Autor]